Com fim de EcoSport e Ka, Ranger será o modelo de entrada da Ford no Brasil

Troller deverá ter uma sobrevida um pouco maior
Ford Ranger 2021

Ford Ranger 2021 | Imagem: Divulgação

Uma verdadeira bomba vai encerrando a segunda-feira (11) com o anúncio da Ford de que vai encerrar a produção de todas as suas fábricas no Brasil.

Com isso, um fato relevante que surge é o término da comercialização das linhas Ka e EcoSport no Brasil assim que os estoques da rede chegarem ao fim. Como a decisão da empresa valerá imediatamente para as unidades de Camaçari (BA) e Taubaté (SP), é provável que muito em breve os dois modelos encerrarão seus ciclos de vida no país.

A decisão da Ford também implica no fim da marca Troller no país, companhia que nasceu no Brasil e contava com capital genuinamente nacional antes de ser adquirida pela companhia norte-americana. Atualmente a Troller contava apenas com um modelo no país, o jipe T4, que tornou-se uma referência entre os veículos off-road no país. Segundo o comunicado da Ford, o fim da produção do Troller em Horizonte (CE) ocorrerá no último trimestre deste ano, portanto os interessados no modelo ainda poderão garantir alguma unidade do utilitário. 

Ao retirar de linha o Ka e o EcoSport, a Ford terá na Ranger seu modelo mais acessível no Brasil. Hoje a picape parte de R$ 156.290 na configuração XL Cabine Simples 4x4 manual com motor 2.2 turbodiesel.

Além da picape média, a gama que restará no momento compreende o SUV médio Territory, que parte de R$ 179.900 no catálogo SEL, além do Edge ST (R$ 351.950) e o Mustang, hoje importado na opção Black Shadow e com preço sugerido de R$ 396.900.

Isso já antecipa o novo posicionamento que a fabricante vai adotar no Brasil. Passando a figurar como uma importadora, ela oferecerá modelos mais caros e rentáveis, tendo na nova família Bronco um bom exemplo.

A próxima geração da Ranger, com produção confirmada na Argentina, também se tornará mais sofisticada. Outro foco de atuação da marca será entre os veículos de uso comercial, com a geração mais recente da van Transit montada no Uruguai. 

Vale a pena citar que tanto o Ford Ka quanto o EcoSport estavam longe de apresentar números de venda desprezíveis no Brasil. O Ka encerrou 2020 como o sexto carro mais emplacado no país, somando 67.501 unidades. O EcoSport, por sua vez, apesar do projeto datado conseguiu fechar o ano passado na sétima posição em vendas no segmento, superando modelos como o Renault Duster. 

Ford Ranger 2020
Ford Ranger 2020
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!