Mesmo com uma crise econômica prolongada e com vendas ainda muito baixas em relação a alguns anos atrás, o Brasil segue como mercado mais punjante para veículos na América Latina. Levantamento divulgado pela consultoria Focus 2 Move revela que os modelos mais vendidos no Brasil respondem pela grande parte das vendas do continente. O líder, assim como aqui, é justamente o Onix, da Chevrolet.

O hatch compacto, no entanto, tem 82% de suas vendas na América Latinha realizadas em nosso mercado. Ou seja, as exportações respondem por uma parcela pequena do volume. De fato, o Onix não chega a ser tratado como um carro global. Por isso o Spark, também da Chevrolet e 10º no ranking geral, aparece com maior relevância em outros países.

Situação inversa do vice-líder da América Latina, o Gol. Pois o famoso carro da Volkswagen, hoje apenas o 5º mais vendido do Brasil, tem a maior parte das suas vendas originadas na vizinhança, nada menos que 53%. Segundo a Focus, 103.827 unidades do modelo foram vendidas nos oito meses de 2017, um bom crescimento em relação a 2016.

Outra surpresa da lista é o Sandero, da Renault. Por ser mais popular fora do Brasil do que o Ford Ka, seu rival direto no ranking, o hatch da marca francesa é o 3º colocado, com 96,2 mil emplacamentos.

 
 
Nissan Versa 2017
 
Nissan Versa 2017
Nissan Versa 2017
Hyundai HB20 2017
 
Hyundai HB20 2017
Hyundai HB20 2017
Toyota Hilux 2017
 
Toyota Hilux 2017
Toyota Hilux 2017
Chevrolet Spark
 
Chevrolet Spark
Chevrolet Spark
Volkswagen Gol Track 2017
 
Volkswagen Gol Track 2017
Volkswagen Gol Track 2017
Toyota Corolla 2018
 
Toyota Corolla 2018
Toyota Corolla 2018
Chevrolet Prisma 2018
 
Chevrolet Prisma 2018
Chevrolet Prisma 2018
Renault Sandero Authentique 1.0
 
Renault Sandero Authentique 1.0
Renault Sandero Authentique 1.0
Ford Ka 2018
 
Ford Ka 2018
Ford Ka 2018
Chevrolet Onix 2018
 
Chevrolet Onix 2018
Chevrolet Onix 2018
 
 

Feito para brasileiros

A 5ª colocação é da picape Toyota Hilux e, nesse caso, a responsabilidade é maior nos países que falam a língua espanhola: nada menos que 72% das vendas vieram de fora do Brasil. E pensar que a Hilux é líder do segmento por aqui.
Mas é o sedã Versa que possui a maior relevância fora do Brasil entre os 10 primeiros. Muito popular no México, o carro da Nissan é o 6º carro mais vendido da América Latina e só 15,5% são oriundos do Brasil.

Quem poderia ter uma presença ainda mais marcante na região é o HB20. Quando enfatiza que o carro foi desenhado especialmente para os brasileiros, a Hyundai não está mentindo: 99,6% deles foram emplacados aqui – a exceção são algumas unidades exportadas para Paraguai e Uruguai, por exemplo.

Outros modelos bastante famosos no Brasil também aparecem bem na lista como o HR-V, a picape Toro e até o Mobi, da Fiat. A lista, no entanto, é a prova de que a indústria automobilística no Brasil tem um imenso potencial de exportação na região, não aproveitado por burocracia, altos impostos e desinteresse de muita gente em criar uma verdadeira política industrial. Nesse ranking, o país está longe dos primeiros lugares.

Veja também: os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

 

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |