Honda cria ''máscara'' para automóveis capaz de evitar vírus no interior dos veículos

Novidade pode filtrar 99,8% dos vírus circulando pelo ar em cerca de 15 minutos
Honda N-Box

Honda N-Box | Imagem: Divulgação

A Honda apresentou nesta semana uma criação muito interessante em uma época onde a prevenção de doenças está em alta.

Chamada de Kurumask, algo como “máscara automotiva” em uma tradução livre, a novidade nada mais é do que uma capa que pode ser aplicada em um filtro de cabine. De acordo com a fabricante japonesa, ela é capaz de evitar que 99,8% dos vírus aéreos circulem pelo interior do veículo ao longo dos primeiros minutos de uso do sistema de climatização. 

Para atingir esse percentual de eficiência, explica a Honda, é necessário que o sistema de ar-condicionado funcione por pelo menos 15 minutos. Ao longo de 24 horas, a Kurumask é capaz de eliminar 99,9% dos vírus no habitáculo do carro. A capa para o filtro de cabine será eficaz por cerca de um ano, acrescenta a fabricante.

Os testes em questão, realizados no compacto N-Box lançado neste ano, levaram em consideração o modo de recirculação de ar ativado, o que evita que mais ar externo seja utilizado pelo sistema de ar-condicionado. 

Para realizar a ação de deixar o carro livre dos principais vírus, a Kurumask utiliza pontas microscópicas em sua superfície, as quais são capazes de prender e danificar a estrutura dos vírus, tornando-os inativos. A solução tomou como base pesquisas acadêmicas que descobriram que libélulas usam esse mecanismo para manter suas asas sempre limpas.

Acima a Kurumask, capa para filtro de cabine capaz de evitar a circulação de vírus dentro do automóvel
Acima a Kurumask, capa para filtro de cabine capaz de evitar a circulação de vírus dentro do automóvel
Imagem: Divulgação

A equipe que trabalhou no desenvolvimento da Kurumask afirmou que a máscara é eficaz contra quatro tipos de vírus, cada um com características diferentes. 

A Honda conta com um programa em que está ajudando no transporte de pacientes com Covid-19 e a ideia principal para o desenvolvimento da Kurumask foi criar um ambiente mais protegido para os motoristas. “Nós queremos que os responsáveis pelo transporte dos pacientes sintam-se mais seguros e confortáveis, em especial nos momentos em que os vidros dos carros precisam permanecer fechados por conta de temperaturas externas muito baixas”, explica Takaharu Echigo, engenheiro responsável pelo desenvolvimento da nova cobertura para o filtro de cabine. 

Segundo a Honda, além do N-Box lançado neste ano, a fabricante planeja oferecer a Kurumask para outros modelos de sua gama.

A Kurumask é aplicada diretamente no filtro de cabine
A Kurumask é aplicada diretamente no filtro de cabine
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!